'De Corpo e Alma'

Como foi a despedida da personagem de Daniella Perez

Daniella Perez foi assassinada em 1992 pelo colega de elenco, Guilherme de Pádua

O crime 

Daniella Perez foi uma dançarina e atriz brasileira — filha da escritora Glória Perez —, que foi vítima de um crime chocante no final de 1992. Naquele ano, ela havia sido assassinada pelo também ator Guilherme de Pádua e sua então esposa, Paula Thomaz.

De Corpo e Alma

Tanto Daniella quanto Guilherme de Pádua já se conheciam na época em que o assassinato ocorreu, sendo eles colegas de elenco na novela 'De Corpo e Alma', escrita pela mãe da vítima. Na novela, eles interpretavam Yasmin e Bira, respectivamente, e na história eram um par romântico.

 O sumiço

Para solucionar o sumiço repentino dos personagens na novela, os autores decidiram por colocar a personagem Yasmin em uma viagem de estudos, enquanto Bira simplesmente deixou de existir e não foi mais comentado.

 Temas revelantes 

Depois de uma semana, a autora Glória Perez voltou ao trabalho e carregou a novela até seu fim, e ainda acrescentou dois temas relevantes na história: a morosidade da Justiça e a inadequação do Código Penal.

Depoimentos

Ao final do primeiro capítulo sem Daniella Perez, os atores e o diretor Fabio Sabag gravaram depoimentos em homenagem à atriz. Além disso, no fim do último capítulo, uma homenagem também foi transmitida com recortes e momentos da jovem.

TEXTO: Redação
REVISÃO: Redação
EDIÇÃO: MARCOS SOUZA
SUPERVISÃO: VITOR BALCIUNAS 
Créditos: Arquivo pessoal e Divulgação/HBO